Pesquisar

Em 2023 o retorno em investimento direto das instituições filantrópicas brasileiras foi de R$38bi

Segundo a pesquisa inédita “O Impacto da Educação Católica para a Sociedade Brasileira”, desenvolvida pela Câmara de Mantenedoras da ANEC (Associação Nacional de Educação Católica do Brasil), as instituições católicas oferecem um retorno financeiro ao Estado.

A cada R$ 1 de imunidade tributária, a educação católica retorna R$ 24 por meio de investimento direto das Mantenedoras de Educação Básica e Superior no país. Em 2023, as instituições filantrópicas brasileiras receberam cerca de R$ 2 bilhões de imunidade tributária e o retorno em investimento direto foi de R$ 38 bilhões.

Os universitários das IES católicas também conseguem resultados em média 15% maior do que os de instituições de Ensino Superior públicas e privadas no Indicador de Diferença entre os Desempenhos Observado e Esperado (IDD).

O estudo da ANEC mostra ainda a excelência dos indicadores de escolas católicas de Educação Básica. Alunos de escolas católicas que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) de 2019 — último ano em que houve a divulgação em formato de microdados — tiraram notas de redação quase 20% maiores na média, em comparação com alunos de outras escolas privadas e públicas.

Além disso, as escolas católicas são referência no acompanhamento de estudantes com deficiência, com reconhecimento nacional sobre seu compromisso com a inclusão e a diversidade.

Qualidade é destaque em levantamento do MEC

No caso do Brasil, a qualidade das instituições é verificada desde a educação infantil até o ensino superior. No caso deste último, levantamentos como o Ranking Universitário da Folha (RUF) 2023 atestam essas virtudes. Segundo o RUF, sete das dez melhores universidades privadas do país são católicas. Por ordem (da maior nota geral para a menor), são elas: PUCRS, PUC Rio, PUCPR, Unisinos, PUC Minas, PUC-SP e PUC-Campinas.

O Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição (IGC), que é um dos indicadores da qualidade do ensino superior medida pelo Ministério da Educação (MEC), também aponta para o bom desempenho das Instituições de Ensino Superior (IES) católicas. São várias as notas 4 e 5 (melhor avaliação) das IES católicas.

Na educação básica, as instituições católicas contam com inúmeros estudantes premiados anos após anos em Olímpiadas do Conhecimento. Em 2023, estudantes da instituição foram premiados na Olimpíada Canguru de Matemática Brasil, Olimpíada Brasileira de Biotecnologia (OBBiotec), Olimpíada Nacional de Ciências, Olimpíada Brasileira de Ciências Humanas, Olimpíada Brasileira de Investimentos, Olimpíada Brasileira de Química Júnior e mais.

Fonte: CNBB

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira

Últimas Notícias

plugins premium WordPress Pular para o conteúdo